top of page
  • Foto do escritorNaiara Fracaroli

Qual o ponto de equilíbrio ideal para a minha empresa?

Descubra o que é este indicador e como calculá-lo



O ponto de equilíbrio (ou break even pont, em inglês) é o nível de faturamento a ser atingido para cobrir todos os custos e despesas da empresa obtendo-se resultado zero, ou seja, nem lucro nem prejuízo. Portanto, é um faturamento mínimo, um parâmetro para definir metas de venda.


Para calcular o ponto de equilíbrio, primeiramente precisamos classificar os custos e despesas como fixos ou variáveis e calcular o índice margem de contribuição.


Se você tem dúvida em como fazer isso, no nosso canal no YouTube você pode conferir dois vídeos sobre esses temas.


Geralmente calculamos três diferentes pontos de equilíbrio: contábil, financeiro e econômico.


Contábil


É o resultado de todos os custos e despesas fixas totais divididos pelo índice margem de contribuição.


Ou seja, é a receita necessária para cobrir todos os custos e despesas com lucro zero.


Financeiro


Resultado dos custos e despesas fixas desembolsáveis divididos pelo índice margem de contribuição.


Nesse caso, excluímos da análise despesas que não são desembolsos financeiros, como a depreciação. Podemos considerar ainda desembolsos que não são custos ou despesas, como amortização de dívidas, investimentos e parcelamentos, por exemplo.


Encontramos, assim, um faturamento que cobre os gastos desembolsáveis com lucro zero.


Econômico


Encontrado quando somamos aos custos e despesas fixos um lucro mínimo ao negócio e dividimos esse valor pelo índice margem de contribuição. O lucro mínimo é o lucro que rentabiliza o capital investido igual ao mercado financeiro sem risco.


Portanto, é a receita mínima para pagar todos os custos e despesas e ainda garantir um lucro mínimo que empata o desempenho da empresa com o mercado financeiro.


Controlando os custos e despesas da empresa e classificando-os como fixos ou variáveis, torna-se possível apurar periodicamente o ponto de equilíbrio do negócio. Com os pontos de equilíbrios será possível verificar os esforços mínimos de vendas a serem realizados e o quanto seu faturamento precisa crescer, qual a distância atual em relação ao mínimo de vendas.


Você pode calcular indicadores mensais, trimestrais, anuais, conforme sua necessidade. É sempre importante apurar do período recente, mas acompanhar a média realizada nos últimos períodos.


Vale reforçar que as quedas nas despesas fixas ou variações nas margens praticadas no preço de venda irão alterar o ponto de equilíbrio da empresa.


Portanto, se você identificar um ponto de equilíbrio inatingível, significa que precisa de ajustes na sua estrutura de negócio, com corte de gastos fixos ou melhoras nas margens praticadas no preço de venda.



Economista Naiara Fracaroli

Sócia/Consultora da Fabri Consultoria

365 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page