top of page
  • Foto do escritorEconomista Adriano Fabri

Qual o percentual de lucro ideal para um negócio?



Essa é a dúvida mais comum entre clientes da Fabri Consultoria e alunos da FABRI Academy. E a melhor resposta é: depende. Esse número varia de acordo com as informações financeiras da empresa.

O lucro ideal é o resultado da multiplicação entre a taxa de rentabilidade ideal e o capital a ser remunerado.


$ Lucro ideal = % Taxa de rentabilidade x $ Capital a ser remunerado



Capital a ser remunerado


Pode-se considerar o patrimônio líquido da empresa que é diferença entre os bens e direitos (ativo total) e as obrigações (exigível total) como o capital a ser remunerado.


Vamos imaginar que uma empresa tenha:


R$ 150.000,00 (bens e direitos)

(-) R$ 50.000,00 (obrigações)

(=) R$ 100.000,00 (patrimônio líquido)



Taxa ideal de rentabilidade


Pode-se partir da Taxa Mínima de Atratividade (TMA), que é a rentabilidade mínima para gerar interesse dos investidores.


A TMA deve contemplar:


  • Custo de oportunidade do capital: o rendimento que teria no mercado financeiro de renda fixa;

  • Prêmio pelo risco: investir em um negócio apresenta um maior risco do que fazer uma aplicação financeira;

  • Prêmio pela falta de liquidez: não é possível resgatar o investimento de capital em um negócio imediatamente.


Se considerarmos um custo de oportunidade de capital de 10%, teríamos:


10% a.a. (custo de oportunidade)

(+) 5% a.a. (prêmio pelo risco)

(+) 5% a.a. (prêmio pela falta de liquidez)

(=) 20% a.a. (TMA)


No entanto, um investidor não entra em um negócio para buscar o mínimo de rentabilidade, concorda? A Fabri Consultoria entende que 50% acima desse mínimo é uma excelente rentabilidade excelente, portanto podemos considerar 30% de rentabilidade ao ano como uma remuneração a ser alcançada.


Então para cálculo do lucro ideal, podemos considerar a rentabilidade de 30% ao ano. Retornando à concepção do lucro ideal, temos:


$ Lucro ideal = % Taxa de rentabilidade x $ Capital

R$ 30.000,00 = 30% x R$ 100.000,00


Portanto, nesse exemplo, o negócio precisa gerar pelo menos R$ 30.000,00 para atingir a rentabilidade que precisa.


Para calcular a lucratividade (%) ideal precisamos comparar esse lucro com o faturamento anual atual, ou projetado, se estivermos falando de um novo negócio.



Faturamento anual da empresa


Considerando que essa empresa do exemplo tenha um faturamento de R$ 300.000,00 anual realizado ou projetado, a taxa de lucro ideal (em porcentagem) será, portanto, o resultado da divisão entre o valor do lucro ideal e o faturamento.


% Taxa de lucro ideal = $ Lucro ideal / $ Faturamento

% Taxa de lucro ideal = R$ 30.000,00 / R$ 300.000,00 = 10%


Agora se a empresa tem (ou projeta) um faturamento de R$ 400.000,00 a lucratividade ideal passa a ser 7,5%.


% Taxa de lucro ideal = R$ 30.000,00 / R$ 400.000,00 = 7,5%


O próximo passo é verificar se com esse faturamento, com o preço praticado e com as despesas necessárias para o formato do negócio, se esse percentual será realmente possível e em caso contrário, promover os ajustes necessários.


Em nosso canal no Youtube você pode conferir um vídeo sobre o percentual ideal de despesas para um negócio.


Espero que essa dica possa te ajudar a estabelecer com mais clareza suas metas de lucratividade e com isso buscar os resultados ideais para a sua empresa.



Economista Adriano Fabri

Fundador e Diretor da AFBR Group Desenvolvimento Corporativo e Humano




Siga-nos nas redes sociais para receber mais dicas como essas:

Instagram: @fabri.consultoria

1.405 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page